WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






(77) 98149-7619

junho 2024
D S T Q Q S S
« Maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


SE LIGA! Plantão de atendimento no Cartório Eleitoral

13º do INSS: pagamento para quem recebe até 1 salário mínimo começa nesta quarta; veja o calendário

 

Começa nesta quarta-feira (24) o pagamento do abono anual aos beneficiários da Previdência Social, também conhecido como “13º do INSS” para quem recebe até 1 salário mínimo. Para quem recebe mais, os pagamentos começam no dia 2 de maio.

 

Primeiros a receber serão os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) com final 1. No mês passado, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) assinou um decreto que antecipou o repasse.

 

Terão direito ao abono pessoas que, em 2024, tenham recebido auxílio por incapacidade temporária, auxílio-acidente, aposentadoria, pensão por morte ou auxílio-reclusão da Previdência Social. Mais de 33,7 milhões serão beneficiados.

 

Tradicionalmente, o abono seria pago no segundo semestre de cada ano. No entanto, nos últimos anos, o governo passou a antecipar o benefício com o objetivo de estimular a economia. Em 2022 e em 2023, por exemplo, o abono foi pago em maio e junho.

 

De acordo com o decreto, o abono será pago em duas parcelas. Veja abaixo.

 

Veja o calendário de pagamento do 13º do INSS

 

PARA QUEM RECEBE ATÉ 1 SALÁRIO MÍNIMO

 

Final do NIS: 1 – pagamentos em 24/4 e 24/5

Final do NIS: 2 – pagamentos em 25/4 e 27/5

Final do NIS: 3 – pagamentos em 26/4 e 28/5

Final do NIS: 4 – pagamentos em 29/4 e 29/5

Final do NIS: 5 – pagamentos em 30/4 e 31/5

Final do NIS: 6 – pagamentos em 2/5 e 3/6

Final do NIS: 7 – pagamentos em 3/5 e 4/6

Final do NIS: 8 – pagamentos em 6/5 e 5/6

Final do NIS: 9 – pagamentos em 7/5 e 6/6

Final do NIS: 0 – pagamentos em 8/5 e 7/6

 

PARA QUEM RECEBE MAIS QUE 1 SALÁRIO MÍNIMO

  • Final do NIS: 1 e 6 – pagamentos em 2/5 e 3/6
  • Final do NIS: 2 e 7 – pagamentos em 3/5 e 4/6
  • Final do NIS: 3 e 8 – pagamentos em 6/5 e 5/6
  • Final do NIS: 4 e 9 – pagamentos em 7/5 e 6/6
  • Final do NIS: 5 e 0 – pagamentos em 8/5 e 7/6

 

 

Fonte: G1

ANDREA CAROLINA GOES ALVES SILVA é a nova secretária de Desenvolvimento Social

 

Substituindo a vereadora Manu Brandão, o prefeito Rodrigo Hagge nomeia a advogada Andrea Carolina como secretária de Desenvolvimento Social.

REINAN GUSMÃO É O NOVO COORDENADOR DA COMUTRAN

 

 

O novo Coordenador da Coordenadoria Municipal de Trânsito é Reinan Gusmão.

Reinan é extremamente competente e terá o apoio de toda a equipe da Comutran para continuar o trabalho que vinha sendo realizado pelo ex-coordenador Neto Ferraz.

Bahia tem alerta de ‘Grande Perigo’, nesta terça; veja previsão

 

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alertou para chances de chuvas intensas, nesta terça-feira, em todo o estado de São Paulo, e nas regiões ao sul de Minas Gerais e do Rio Janeiro. Além disso, há um alerta vermelho, de ‘Grande Perigo’, para acumulados de chuvas em Salvador (BA). Partes do Mato Grosso, Pará, Tocantins e Goiás têm alerta de “Perigo” para chuvas intensas.

Veja abaixo o mapa do Inmet com os alertas para esta terça-feira. As manchas amarelas indicam “Perigo Potencial” para chuvas intensas, e as em laranja, “Perigo”. A mancha vermelha sobre Salvador aponta para “Grande Perigo” em relação aos acumulados de chuva.

Mapa mostra alertas do Inmet para esta terça-feira — Foto: Reprodução

O alerta vermelho na Bahia indica chuva superior acima de 100 mm/dia. Há grande risco de alagamentos e transbordamentos de rios e deslizamentos de encostas. Veja abaixo a área de atuação do aviso do Inmet:

Alerta vermelho mostra área de atuação de acumulado de Chuva na Bahia — Foto: Reprodução

Na capital baiana, o dia deverá ser “encoberto com chuva”, segundo a previsão do Inmet, com rajadas moderadas. Na quarta-feira, a previsão é que as chuvas sejam mais intensas, com pancadas e trovoadas.

Sobre São Paulo, sul de Minas Gerais e sul do Rio de Janeiro, atua, por sua vez, um alerta amarelo do Inmet, que indica “Perigo Potencial” de chuvas intensas. De acordo com o órgão, a chuva deve ficar entre 20 e 30 mm/h, com ventos intensos de até 60 km/h. O risco de ocorrências como corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores e alagamentos é baixo. Esse alerta também se estende sobre áreas do Norte, Centro-Oeste e Nordeste.

Já o alerta laranja sobre o Centro-Oeste e Norte prevê chuvas de até 100 mm/dia, acompanhada de ventos intensos. Há risco de ocorrências como falta de luz, queda de galhos, alagamentos, além de descargas elétricas.

No Rio de Janeiro, a terça-feira deverá ser de chuvas isoladas ao longo de todo o dia, e as temperaturas devem ficar entre 22°C e 34°C. Em Belo Horizonte (MG), o dia deverá ser sem chuvas, apesar do tempo com muitas nuvens no céu. A temperatura mínima na capital mineira será de 16°C, enquanto a máxima pode atingir 30°C.

Em São Paulo, a previsão aponta chuvas isoladas e pancadas, o que deverá seguir ocorrendo também nos outros dias da semana. Os termômetros devem ficar, nesta terça-feira, entre 20°C e 27°C, segundo o Inmet. Em Vitória (ES), apesar dos dias nublados, com muitas nuvens, não há previsão de chuva para a semana. Nesta terça-feira, os termômetros devem marcar entre 24°C e 32°C.

Fonte: O Globo

Morre Ziraldo, criador de ‘O Menino Maluquinho’, aos 91 anos

Ziraldo — Foto: Divulgação

 

Morreu aos 91 anos o desenhista e escritor Ziraldo, criador de personagens como os de “O Menino Maluquinho” e “Turma do Pererê”. A informação foi confirmada pela família do desenhista na tarde deste sábado (6). Ziraldo morreu dormindo, quando estava em casa, em um apartamento no bairro da Lagoa, na Zona Sul do Rio, por volta das 15h.

 

Também chargista, caricaturista e jornalista, ele foi um dos fundadores nos anos 1960 do jornal “O Pasquim”, um dos principais veículos a combater a ditadura militar no Brasil.

 

Ziraldo Alves Pinto nasceu em 24 de outubro de 1932 em Caratinga (MG), onde passou a infância. Mais velho de uma família com sete irmãos, foi batizado a partir da combinação do nome da mãe (Zizinha) com o nome do pai (Geraldo). Leitor assíduo desde a infância, teve seu primeiro desenho publicado quando tinha apenas seis anos de idade, em 1939, no jornal “A Folha de Minas”.

 

Iniciou a carreira nos anos 1950, na revista “Era uma vez…”. Em 1954, passou a fazer uma página de humor no mesmo “A Folha de Minas” em que havia estreado.

 

Em 1957, formou-se em Direito na Faculdade de Direito de Minas Gerais, em Belo Horizonte. No mesmo ano, entrou para o time das revistas “A Cigarra” e, depois, “O Cruzeiro”. Em 1958, casou-se com Vilma Gontijo, sua namorada havia sete anos. Tiveram três filhos, Daniela, Fabrizia e Antônio.

 

Já na década seguinte, destacou-se por trabalhar também no “Jornal do Brasil”. Assim como em “O Cruzeiro”, publicou charges políticas e cartuns. São dessa época os personagens Jeremias, o Bom, Supermãe e Mineirinho.

 

No período, pôde enfim realizar um “sonho infantil”. Ele se tornou autor de histórias em quadrinhos e publicou a primeira revista brasileira do gênero com um só autor, sobre a “Turma do Pererê”.

 

Os personagens eram um pequeno índio e vários animais que formam o universo folclórico brasileiro, como a onça, o jabuti, o tatu, o coelho e a coruja.

 

A revista deixou de ser publicada em 1964, a partir do início do regime militar. Cinco anos mais tarde, Ziraldo fundou, com outros humoristas, “O Pasquim”.

 

Com textos ácidos, ilustrações debochadas e personagens inesquecíveis, como o Graúna, os Fradins ou o Ubaldo, o semanário entrou na luta pela democracia.

 

Ao mesmo tempo que combatiam a censura, Millôr, Henfil, Jaguar, Tarso de Castro, Sérgio Cabral, Ivan Lessa, Sérgio Augusto e Paulo Francis, dentre outros colaboradores do jornal, sofriam com ela.

 

Um dia depois do AI-5, baixado em 13 de dezembro de 1968, Ziraldo foi detido em casa e levado para o Forte de Copacabana.

 

Em 1969, publicou seu primeiro livro infantil, “FLICTS”. Em 1979, passou a se dedicar à literatura para crianças.

 

Seu maior sucesso, “O Menino Maluquinho”, saiu em 1980. É considerado um dos maiores fenômenos do mercado editorial brasileiro em todos os tempos.

 

 

Fonte: G1

Alécio Chaves filia-se ao PSB

Agora é oficial!

Filiação do Prof. Alecio Chaves ao PSB na sede do partido em Salvador-BA durante encontro com a participação da Dep. Lídice da Mata presidente estadual e vice nacional do PSB, do prefeito de Itapetinga Rodrigo Hagge, Dep. Pedro Tavares, presidente municipal Keylla Reis, Geraldo Trindade, Fred Reis, Wemerson Maia e Adriano Wirz.

 

 

Por que 1º de abril é dia da mentira?

Mentir para outras pessoas é, normalmente, algo que ninguém aceita, a não ser que seja o dia 1º de Abril. Conhecido também como “Dia dos Tolos” ou “Dia dos Bobos”, o primeiro dia de abril, que acontece nesta segunda-feira, é um dia de pregar peças e enganar quem não estiver esperto, tradição que surgiu no país desde os tempos do Imperador Dom Pedro I.

 

A razão por trás do Dia da Mentira

 

Entenda: porque 1º de abril é dia da mentira?. Foto: Jules Gervais Cortellemont

 

Durante a reforma protestante na Europa, a Igreja Católica tentou reafirmar sua soberania a partir do Concílio de Trento, na Itália (1545-1563), mudando o jeito com que o ano era contado do Calendário Juliano, que estava em vigor desde o Império Romano, pelo Calendário Gregoriano, que é o que ainda usamos hoje em dia.;

Segundo Informações da National Geographic Brasil, algumas fontes sugerem que é possível que o 1º de abril que conhecemos hoje tenha sido influenciado pelo Festival Romano de Hilária (25 de Março) ou Festival Holi (31 de Março), na Índia.

Mas a razão mais aceita pelas tradições de 1º de abril surgiram na França medieval, como forma de protestar contra as mudanças do Calendário Gregoriano, que dividiam o ano em 365 dias e quatro estações, e fez com que o ano se iniciasse no dia 1º de janeiro, e não mais na páscoa.

Até Dom Pedro I foi alvo do Dia da Mentira

 

 Por que 1º de abril é dia da mentira?
Entenda: porque 1º de abril é dia da mentira?. Domínio Publico

No entanto, as tradições brasileiras do 1º de abril foram trazidos no início do séc. XIX, mais precisamente em 1828, em que o jornal “A Mentira”, situado em Minas Gerais, publicou a notícia da morte de Dom Pedro I.

Ainda segundo a NatGeo Brasil, verdade, no entanto, é que o então Imperador do Brasil só veio a falecer em 24 de setembro de 1834, em Portugal.

Desde então, as brincadeiras de primeiro de abril foram generalizadas pelo país, e é comum ver alguém dizendo que “caiu no 1º de abril” ou que fez alguém cair numa enganação divertida.

 

 

Fonte: iBahia

Após 1 ano e 8 meses como Coordenador da Comutran, Neto Ferraz pede exoneração do cargo.

 

 

 

Na manhã de hoje, quinta-feira, 28 de março o coordenador da Comutran, Neto Ferraz, protocolou no gabinete do prefeito municipal, Rodrigo Hagge, o seu pedido de exoneração.

 

Após aproximadamente 1 ano 8 meses atuando de forma atuante, Neto assumirá novamente o seu cargo de vereador a partir da próxima segunda-feira, dia 1° de abril.

 

No período em que esteve na frente da Comutran, Neto Ferraz realizou grandes atividades que transformaram o trânsito na cidade de Itapetinga.

 

O desligamento foi feito dentro do prazo determinado pela legislação eleitoral. Assim ele torna-se apto a concorrer uma reeleição.

 

O nome que irá substituir Neto Ferraz será anunciado na próxima semana.

Neto Ferraz, coordenador da Comutran, faz entrega de bacalhau a servidores da autarquia

 

Em virtude das comemorações da Páscoa, foi entregue pelo coordenador da Comutran, Neto Ferraz, bacalhau para todos os servidores da autarquia.

Neto afirmou que essa atitude serve para complementar um momento de comunhão entre as famílias.

A atitude foi comemorada pelos servidores, que agradeceram ao coordenador com muita alegria.

 

 

 

 

 

 

 



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia